Há pouco mais de um ano, André Gomes chocou o mundo do futebol ao admitir que não se sentia bem em campo e que não tinha prazer naquilo que poderia fazer ao serviço do Barcelona. Atualmente ao serviço do Everton, o jogador português revelou que se sente melhor.

"Obviamente não tencionava dizer tudo o que disse. Naquele momento estava numa luta interior e tudo me saiu naturalmente", justificou.

"Acredito que há muitos jogadores que se sentem assim e às vezes sentem que podem render mais e não conseguem e não têm uma explicação. Era o que se passava comigo. Estava em dificuldades e não conseguia encontrar maneira de desfrutar do jogo, dos adeptos, e depois disso comecei a entender melhor as coisas e a desfrutar mais do futebol", explicou André Gomes.

O jogador português referiu ainda que continuou "a andar para a frente, a trabalhar duro e tentei desfrutar do jogo e ser feliz. Foi o que tentei fazer até ao final da temporada e durante esta época".

Neste processo, André Gomes revelou que o treinador português Marco Silva foi uma peça fundamental. "Falei com ele algumas vezes e ele explicou-me o que o clube queria e como a equipa estava. Claro que tinha outros clubes interessados, mas foi mais fácil decidir depois de falar com o Marco", disse.

Depois disso, o internacional luso afirmou que a mudança tornou-se fácil. "Normalmente, quando se muda para um novo clube, com novos companheiros, é que não se sabe o que esperar, mas foi realmente fácil para mim aqui, os rapazes tornaram-no fácil", admitiu.

Por fim, André Gomes lembrou que "às vezes, não paramos e não entendemos que o mais importante é ser feliz e desfrutar. Quando vencemos um título ou jogos importantes, não desfrutamos desses momentos. No meu tempo no Barcelona, houve coisas boas e coisas muito más, por isso, para mim este ano foi muito bom para perceber que é preciso desfrutar, porque adoramos futebol, é o nosso trabalho, mas temos que o desfrutar mais".

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.