O Everton recebeu e venceu hoje o Bournemouth por 2-0, num jogo muito disputado, resultado que permitiu ao conjunto liderado pelo treinador português Marco Silva ascender provisoriamente ao 10.º lugar da Liga inglesa de futebol.

Apesar das várias oportunidades criadas pelas duas formações, o golo só chegou na segunda parte (61 minutos), através de um bom cabeceamento do central Zouma, tendo o golo do descanso aparecido apenas aos 90+5 por intermédio do avançado Dominic Calvert-Lewin.

A formação da casa teve grandes dificuldades para se impor perante um rival direto - ambas as equipas partiram para esta 22.ª jornada com os mesmos pontos (27) - e a partida foi bastante dividida, tal como as estatísticas demonstram, com a posse de bola de 51% (Everton) contra 49% (Bournemouth) e com 15 tentativas de finalização (Everton) contra 16 do Bournemouth.

De resto, o Everton cometeu muito mais faltas (17 contra 8) e, em resultado disso, viu cinco cartões amarelos, um dos quais para o internacional português André Gomes que jogou todo o encontro, enquanto o oponente ficou com o registo limpo.

O Everton subiu ao 10.º posto com 30 pontos, ultrapassando momentaneamente o Wolverhampton de Nuno Espírito Santo (que conta com 29 pontos), que tem uma difícil deslocação na segunda-feira ao terreno do Manchester City, no jogo que vai encerrar esta jornada em Inglaterra.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.