Um golo de Cenk Tosun, aos 90+7 minutos, impediu hoje a derrota do Everton diante do Tottenham (1-1), em jogo da 11.ª jornada da Liga inglesa, que ficou marcado pela lesão do futebolista internacional português André Gomes.

Dele Alli adiantou os londrinos, aos 63 minutos, aproveitando um passe errado de Alex Iwobi, mas o conjunto treinado pelo português Marco Silva chegou ao empate em tempo de compensação, através do avançado turco, que correspondeu de forma eficaz a um cruzamento de Lucas Digne.

Nesta altura, o Tottenham já estava reduzido a 10 elementos, por expulsão de Son, aos 79 minutos, na sequência de um lance que originou a lesão do internacional português André Gomes, que contraiu uma fratura no tornozelo direito, depois de ter sido derrubado pelo sul-coreano.

A fratura no pé de André Gomes foi visível e chocou todos os jogadores que se aproximaram do atleta do Everton, inclusive Son, que levou imediatamente as mãos à cabeça, em sinal de desespero.

André Gomes teve de ser retirado de maca do campo, sendo substituído pelo islandês Gylfi Sigurdsson, aos 84 minutos.

As duas equipas continuam a realizar uma época desapontante, sendo que os ‘toffees’ ocupam o 17.º lugar, o primeiro acima da zona de despromoção, com 11 pontos, menos dois do que o Tottenham, que é 11.º colocado.

No outro jogo do dia, o Leicester recuperou o terceiro lugar, ao vencer por 2-0 no reduto do Crystal Palace, com golos do turco Caglar Soyuncu, aos 57 minutos, e do ‘inevitável’ Jamie Vardy, aos 88.

De resto, o avançado inglês ascendeu ao topo da lista dos melhores marcadores da Premier League, com 10 golos, tendo ultrapassado o argentino Sergio Agüero (Manchester City) e Tammy Abraham (Chelsea), que também marcaram nesta ronda e somam ambos nove.

O Leicester, que teve o internacional português Ricardo Pereira a tempo inteiro, alcançou a quinta vitória nos últimos seis jogos da competição, que lhe permitiu recuperar o terceiro posto da prova, com 23 pontos, os mesmos do Chelsea.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.