Gedson Fernandes viajou esta segunda-feira para Londres, onde realizou os habituais testes médicos antes de assinar um contrato válido por época e meia com o Tottenham de José Mourinho. O jovem médio é o sexto jogador que José Mourinho 'rouba' ao Benfica, 16 anos depois do primeiro 'resgate' do 'Special One'.

O primeiro jogador que José Mourinho contratou ao Benfica foi Tiago. O médio trocou a Luz pelo Chelsea no início da temporada 2004/2005 a troco de 12 milhões de euros, depois de três anos de águia ao peito.

Seguiu-se Di María. Assim que chegou ao Real Madrid, na época 2010/2011, o treinador português contratou o extremo argentino que estava há três épocas ao serviço do Benfica. Di María custou 36 milhões de euros aos merengues.

No ano seguinte, Mourinho voltou a 'pescar' na Luz. À terceira, o técnico de Setúbal levou um internacional português: Fábio Coentrão. O Benfica recebeu 30 milhões de euros pelo lateral, que estava há seis anos na Luz - metade deles cedido por empréstimo.

Na temporada 2013/2014, Mourinho voltou a dar lucro aos cofres benfiquistas. De volta ao Chelsea, o técnico levou Matic, médio que na altura jogava sob a alçada de Jorge Jesus. O negócio render 25 milhões de euros aos encarnados.

Já a mais recente aposta de José Mourinho na Luz foi Lindelof. Em 2016/2017, o 'Special One' veio reforçar-se a Lisboa e levou o central sueco para o Manchester United a troco de 35 milhões de euros.

Contas feitas, ao longo dos anos e em cinco contratações, José Mourinho rendeu 138 milhões de euros aos cofres do Benfica.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.