O Liverpool voltou a desperdiçar pontos na 'Premier League', ao empatar 1-1 em Londres com o West Ham, com o seu avanço sobre o Manchester City na liga inglesa de futebol a reduzir-se de cinco para três pontos.

A 25.ª jornada comprovou que o líder está a passar por uma fase menos boa, já que em janeiro tinha consentido duas derrotas, uma ante o City, rival direto, e outra frente ao Wolverhampton e tinha empatado com o Leicester.

Os 'reds' viram a vantagem encurtar-se para três pontos apenas. Têm 62 contra 59 dos 'citizens', que nesta jornada ganharam ao Arsenal, por 3-1.

A duas semanas dos oitavos de final da Liga dos Campeões, Jürgen Klopp percebeu que a sua equipa tem claras fragilidades no setor defensivo, bem patentes na segunda parte do jogo de hoje, sobretudo com Matip.

No meio-campo, Keita, Lallana e Fabinho também não encantaram, mas o treinador sabe que está próximo o regresso dos lesionados Henderson e Wijnaldum, titulares habituais.

Começou melhor o West Ham, com Noble, Anderson e Chicharito muito ativos no ataque. Contra a corrente do jogo, foram os 'reds' a abrir o marcador, aos 22 minutos, por Mané, a passe de Milner.

O golo não acalmou os londrinos, que conseguiram o empate aos 28 por Antonio, que beneficiou da passividade adversária para rematar cruzado.

Aos 41 minutos, o West Ham esteve perto de passar para a frente, com um grande cabeceamento de Rice.

Só muito perto do fim a tendência de domínio do West Ham acabou, com a condição física dos 'reds' a marcar pontos, mas sem imaginação nem sucesso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.