O internacional espanhol Alvaro Morata, agora ao serviço do Chelsea, afirmou que sair da Juventus para regressar ao Real Madrid foi um retrocesso na sua carreira.

“Existiam acordo contratuais que tive de respeitar, mas foi uma desilusão regressar ao Real Madrid, foi enorme. É como voltar ao ponto de partida. Fui tratado como um miúdo”, disse Alvaro Morata, em declarações à Gazzetta dello Sport.

“Cheguei a Turim como um miúdo e sai de lá um jogador de verdade. Nunca teria saído de Itália e da Juventus. A minha mulher gostava de viver em Espanha, mas eu gosto de Itália”, acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.