A FIFA vai tomar "em breve" uma decisão sobre a disputa entre o clube francês Nantes e o Cardiff da Premier League sobre a transferência do argentino Emiliano Sala, que morreu Num acidente de avião em janeiro deste ano, afirmaram esta segunda-feira fontes do organismo à AFP.

No final de agosto, a FIFA enviou um e-mail aos dois clubes no qual fazia um apelo por uma conciliação com o pagamento da transferência do atacante.

A Comissão do Estatuto do Jogador deu um prazo de 10 dias aos dois clubes para que aceitassem ou não essa conciliação.

Sem acordo entre os dois emblemas, esta comissão vai emitir uma sentença, cuja decisão é passível de recurso para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS).

"O caso será submetido em breve à Comissão do Estatuto do Jogador", garantiu à AFP uma fonte da FIFA

Segundo uma fonte próxima ao caso, o dossier deverá ser examinado esta semana por esta instância, à qual o Nantes recorreu no final de fevereiro depois de o Cardiff se ter negado a pagar os 17 milhões de euros que haviam sido acordados pela transferência do jogador.

Emiliano Sala morreu no dia 21 de janeiro num acidente de avião, quando o monomotor Piper Malibu que o transportava de Nantes para Cardiff deixou de comunicar com a torre de controle por volta das 20h00. A 7 de fevereiro, depois de vários dias de buscas, as autoridades britânicas localizaram e recuperaram o corpo encontrado no avião, submerso no Canal da Mancha.

Depois da morte do atacante, o Cardiff decidiu não pagar uma primeira parcela de seis milhões de euros. A operação tinha sido aprovada pelas autoridades do futebol antes do acidente.

O ponta de lança, de 28 anos, que representava o Nantes desde 2015 e que em 2018/2019 marcou 13 golos em 21 jogos pela equipa francesa, tinha acabado de assinar pelos galeses do Cardiff, equipa da Primeira Liga inglesa, e fazia a viagem de França para Gales.

Na sua carreira, Emiliano Sala passou pelos portugueses do FC Crato, dos campeonatos distritais, antes de seguir para França, onde representou o Bordéus, o Orléans, Chamois Niortais, Caen e Nantes.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.