Esta quarta-feira o Fulham oficializou a contratação de Claudio Ranieri como novo treinador do clube, no entanto, o técnico italiano de 67 anos não foi a primeira opção do emblema inglês, segundo garante o jornal britânico 'The Telegraph'.

Os ingleses afirmam que Àrsene Wenger foi a primeira opção do Fulham para substituir o sérvio Slavisa Jokanovic, no entanto, o antigo treinador do Arsenal terá recusado a proposta. Além de Wenger, havia dois treinadores portugueses na lista de prioridades: Leonardo Jardim e André Villas-Boas.

Tal como Àrsene Wenger, os dois técnicos lusos estão também sem clube depois de deixarem o Mónaco e o Shanghai SIPG, respetivamente.

No entanto, também os portugueses recusaram o convite do Fulham e foi aí que o clube optou pela quarta escolha: Claudio Ranieri, antigo treinador do Leicester.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.