A polícia de Manchester anunciou esta sexta-feira, em comunicado, que deteve um suspeito da agressão a Raheem Sterling, jogador do Manchester City, no último sábado.

O internacional inglês terá sido agredido e insultado nas imediações do centro de treinos dos 'citizens', quando a equipa se concentrava para o jogo com o Tottenham. O indivíduo estaria à espera do jogador e, depois de lhe dirigir insultos de índole racista, acabou mesmo por pontapeá-lo quando este saiu do carro.

"Na segunda-feira, dia 18 de dezembro de 2017, foi apresentada uma queixa à polícia, após um homem de 23 anos ter sido sujeito a uma ofensa de caráter racista em Clayton Lane, em Manchester, no sábado, dia 16 de dezembro. Foi iniciada uma investigação e um homem de 29 anos foi detido na manhã de terça-feira, dia 19 de dezembro de 2018, por suspeitas de ofensa de caráter racista", refere o comunicado das autoridades policiais, reproduzido pela cadeia televisiva britânica Sky Sports.

O suspeito "está, agora, sob custódia policial para interrogação". O caso "está a ser tratado como um crime de ódio", acrescenta a nota.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.