Acuña não está nos convocados do Sporting para a deslocação a Setúbal como prevenção devido a uma mialgia, mas as coisas podem não ser bem assim.

Segundo o jornal 'O Jogo' deste sábado, o argentino está de fora dos convocados porque se recusa a jogar, devido à sua indignação com os responsáveis do Sporting pelas promessas de uma melhoria contratual que se mantêm por cumprir e pelas 'negas' que os 'leões' têm dado às propostas de compra do jogador, nomeadamente a mais recente do Inter.

Segundo o matutino, a tensão terá chegado ao máximo depois do treino da passada quarta-feira, numa conversa com Hugo Viana, o diretor desportivo do Sporting, na qual mostrou a sua recusa em entrar em campo.

O jornal avança ainda que não terá sido a primeira vez que Acuña mostrou o seu descontentamento com a situação, tendo já ameaçado não entrar em campo na partida do Sporting frente ao Portimonense, no passado mês de dezembro.

O argentino, que está no Sporting há três épocas, não aceita que não lhe permitam dar o salto na sua carreira, nomeadamente depois das propostas feitas pelo Inter de Milão que foram recusadas pelos 'leões'.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.