Adrián Lopez é um jogador livre, depois de terminar o seu contrato com o FC Porto. O avançado espanhol está à procura de clube mas, até agora, não se decidiu, apesar de algumas propostas.

Em entrevista ao jornal espanhol 'As', Adrian Lopez passou em revista os cinco anos em que esteve ligado contratualmente ao FC Porto. Cinco anos muito difíceis para o jogador.

"Foram cinco anos difíceis. A primeira época complicou-se quando tive uma lesão em janeiro. Depois fui emprestado ao Villarreal, mas cheguei com uma lesão que não viram no Porto e não consegui jogar até fevereiro, o que foi uma pena. Acabei por fazer um final de Liga muito bom e entrámos na Liga dos Campeões. O Villarreal queria que eu ficasse, eu também, e foi aí que os problemas começaram", começou por justificar

"O FC Porto começou a propor-me coisas da sua conveniência, preferira mandar-me para um clube mais distante. Eu queria voltar para o Villarreal e tive então grandes problemas. Acabei por ser emprestado ao Corunha e foi o melhor, porque pude jogar, mas foi uma pena a descida. Tínhamos uma boa equipa e bons jogadores", lembrou.

Depois de vários empréstimos, Adrián voltou ao FC Porto para cumprir o último ano de contrato. Um ano que até acabou por correr melhor ao avançado, já que teve mais minutos de jogo e marcou alguns golos importantes mas não com a regularidade que desejava. Por isso a escolha do próximo clube terá de ser feito com muito cuidado.

"Já tive ofertas de diferentes países, do México, Estados Unidos, Turquia, China, existem alguns interesses de equipas estrangeiras e de algumas equipas de Espanha e a minha prioridade não é o dinheiro, mas competir e trabalhar ao mais alto nível. Eu estou à procura de um clube com um bom projeto desportivo e a minha ideia é ficar em Espanha [...] Preciso de jogar regularmente. É por isso que tenho de ver muito bem para onde vou agora. Quero esquecer estes anos em que não consegui ter prazer em jogar futebol e estou muito entusiasmado para ver o que o futuro me reserva", atirou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.