Na passada semana, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) divulgou o mapa de castigos do Conselho de Disciplina onde constava que Wilson Eduardo tinha sido expulso já após o final do jogo entre bracarenses e Rio Ave (1-1) por palavras dirigidas ao árbitro.

"O jogador foi considerado expulso porque após o apito final do jogo dirigiu-se ao árbitro e disse: 'És uma vergonha, ladrão de m..., já no ano passado nos roubaste em Vila do Conde'", podia ler-se no mapa de castigos da FPF.

Por esse comportamento, Wilson Eduardo foi castigado com dois jogos de suspensão e ainda uma coima de 1.148 euros. O Braga recorreu desse castigo para a Comissão Disciplinar da Federação Portuguesa de Futebol, que reduziu a pena para um jogo de castigo.

Assim sendo, Wilson Eduardo ainda não poderá jogar pelo Braga frente ao Felgueiras, para 3º eliminatória da Taça de Portugal, mas já estará disponível para o dérbi minhoto com o Vitória de Guimarães, na próxima jornada do campeonato.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.