Bruno de Carvalho está a ser aconselhado por elementos do seu círculo próximo a afastar-se temporariamente da presidência do Sporting, numa altura em que o clube vive um período conturbado.

Segundo o jornal Record desta terça-feira, várias figuras do universo leonino que estão preocupadas com o estado de saúde e a estabilidade emocional de Bruno de Carvalho têm sensibilizado o líder leonino a meter uma baixa médica. A licença de paternidade a que tem direito depois de ter sido pai esta segunda-feira é outro dos argumentos utilizados para convencer o presidente do Sporting.

O mesmo diário desportivo escreve que os conselhos destes notáveis são uma medida de precaução, tendo em conta o enorme desgaste a que Bruno de Carvalho tem sido sujeito nas últimas semanas, especialmente depois da derrota em Madrid frente ao Atlético que fez estalar a crise no Sporting.

Recorde-se que após o apito final da receção ao aços de Ferreira, Bruno de Carvalho sentiu dores nas costas quando se levantou do banco de suplentes, e teve de ser amparado para deixar o relvado.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.