Castillo saiu da Luz há mais de um ano, no mercado de transferências de janeiro, pouco depois da chegada de Bruno Lage ao banco dos encarnados. À ESPN, o chileno admitiu que acreditava que ia ter mais espaço no plantel com a chegada do novo treinador.

"Eu estava no Benfica e estava bem, ia começar a jogar mais porque o treinador tinha saído", começou por dizer, referindo de seguido o que o levou a deixar o Benfica.

"Quando o Miguel [treinador do América] me chama, quando o Santiago Baños [presidente] me chama, nem pensei, disse-lhe no primeiro instante que iria, porque conhecia a equipa, o clube, o quão grande é", explicou Nicolás Castillo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.