A Clínica Comcorpus, detida maioritariamente Frederico Varandas, tem sete funcionários que prestam atualmente serviço no Sporting. De acordo com o jornal Público, são cinco clínicos e dois fisioterapeutas que estão integrados no departamento clínico dos 'leões'.

Nuno Loureiro, coordenador clínico do Sporting desde o passado mês de junho, é um dos médicos da equipa principal e é também coordenador do departamento médico desportivo da Clínica do Dragão, empresa instalada no Estádio do Dragão e com protocolos com o FC Porto.

Além de Nuno Loureiro trabalham na estrutura sportinguista os médicos Pedro Pessoa (responsável da cirurgia ortopédica do departamento de futebol profissional), Nuno Oliveira (ortopedista), Filipe Bettencourt (fisiatra) e Manuel Resende Sousa (ortopedista e médico das modalidades e da equipa olímpica). Todos fazem parte do corpo clínico da ComCorpus.

Os fisioterapeutas Vasco Cabral e Patrice Sacramento também dividem igualmente funções entre a ComCorpus e o Sporting.

Segundo o presidente do Sporting, é “normal” a partilha de médicos e fisioterapeutas com o clube. “Todos estes médicos trabalham em vários sítios. Não têm exclusividade”, afirmou o dirigente ao jornal Público.

Frederico Varandas garantiu ainda desconhecer a situação de Nuno Loureiro, afirmando que "é uma pena" que este não tivesse colocado o mesmo cargo no seu currículo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.