O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol decidiu abrir um inquérito na sequência dos incidentes no túnel do Jamor, no jogo entre o Belenenses e o FC Porto.

"Instaurado processo de inquérito, por decisão do presidente do Conselho de Disciplina, de 12 de dezembro de 2019, com vista ao apuramento de factos ocorridos em jogo da I Liga", lê-se num comunicado do CD da FPF.

De acordo com o mesmo documento, o processo foi enviado à Comissão de Instrutores da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, "mantendo-se em segredo até ao fim do inquérito".

O treinador do Belenenses queixou-se de ter sido agredido a soco, como foi possível verificar numas imagens divulgadas pela SIC, no momento em que as equipas se dirigiam para os balneários no intervalo do descanso. Contudo, não foi feita qualquer participação depois do alegado incidente.

Os dois treinadores, tanto Sérgio Conceição na conferência de imprensa de lançamento da partida frente ao Feyenoord, como Pedro Ribeiro também se recusaram a fazer comentários.

Caso se confirme a agressão de Sérgio Conceição a Pedro Ribeiro, o técnico pode ser suspenso até ao final da temporada. O castigo, de acordo com o regulamento da Liga, pode ir dos 22 dias aos 273 de suspensão.

*Artigo atualizado

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.