Frederico Varandas está no mercado à procura de um sucessor para José Peseiro, despedido depois da derrota do Sporting frente ao Estoril, em jogo da Taça da Liga.

Leonardo Jardim e Paulo Sousa eram as escolhas prioritárias do novo presidente leonino, mas ambos recusaram o convite para orientar o clube de Alvalade. Até Arsène Wenger já foi apontado ao lugar deixado vago pelo técnico ribatejano de 58 anos.

Conheça todos os nomes que têm sido apontados ao cargo de treinador do Sporting:

Leonardo Jardim - Houve uma sondagem pelo técnico madeirense, mas este rejeitou-a. Está sem contrato desde que deixou o Mónaco, mas está à espera de um emblema que lhe permita disputar a Liga dos Campeões. Tem sido apontado aos campeonatos inglês e italiano.

Paulo Sousa - Deixou os chineses do Tianjin Quanjian, conhece bem o clube, mas dá prioridade a um clube estrangeiro. É o nome preferido da administração, mas questões financeiras dificultam o sucesso das negociações.

Miguel Cardoso - Depois da boa temporada na época passada ao serviço do Rio Ave, seguiu para o Nantes. No entanto, a aventura em França não correu da melhor maneira e o técnico está agora sem clube.

Jorge Jesus - Esteve na Comissão de Honra da candidatura de Frederico Varandas à presidência do Sporting, mas o seu regresso a Alvalade é pouco provável. O treinador de 64 anos tem contrato com o Al-Hilal, da Arábia Saudita, e ganha sete milhões de euros limpos por temporada.

Rui Jorge - Passou por Alvalade como jogador e é bem visto pela estrutura leonina. No entanto, está focado na seleção Sub-21 e encontra-se indisponível para treinar clubes.

Rui Faria - Também foi sondado pela administração do clube de Alvalade, mas rejeitou a proposta. Encontra-se à procura da primeira aventura a solo como treinador, depois de muitos anos como adjunto de José Mourinho.

Paulo Fonseca - Está neste momento ao serviço dos ucranianos do Shakhtar Donetsk. Em Portugal conta com passagens pelo FC Porto, SC Braga e Paços de Ferreira, por exemplo. Nome difícil de contratar.

Arsène Wenger - O histórico treinador francês está sem clube desde que deixou o Arsenal no final da temporada passada. No entanto, o técnico gaulês já sublinhou que espera regressar ao ativo no início de 2019, embora não saiba que equipa de futebol treinará.

Aitor Karanka - Antigo adjunto de José Mourinho no Real Madrid está a treinar o Notthingham Forest depois de quatro épocas no Middlesbrough. Procura uma aventura fora de Inglaterra e aceitou conhecer o projeto leonino, que lhe foi apresentado pelo seu empresário Jorge Mendes. Spartak de Moscovo também está interessado no treinador espanhol.

Jorge Sampaoli - O antigo selecionador da Argentina foi 'oferecido' à direção de Frederico Varandas, mas foi recusado, devido aos valores elevados envolvidos e por os responsáveis verdes e brancos acreditarem que existem melhores alternativas no mercado.

Juan Carlos Unzué - Foi adjunto de Guardiola no Barcelona e de Luis Enrique nos catalães e no Celta de Vigo. Orientou o clube de Vigo na época passada e encontra-se livre.

Paco Jémez - Está neste momento sem contrato, depois de ter deixado o Las Palmas no final da temporada passada. Treinou o Cruz Azul, no México, e realizou um excelente trabalho ao serviço dos espanhóis do Rayo Vallecano.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.