Domingos Paciência, responsável por lançar André Horta na equipa principal do Vitória de Setúbal, em 2014/2015, comentou a a saída precoce do jogador de 21 anos para o Los Angeles FC.

"Sabendo onde ele pode chegar, é estar a ir para um mercado onde não tem uma visibilidade tão grande como tem um campeonato da Europa. Não sei que contornos estão por trás desta eventual saída, mas gostava que o André desse continuidade a uma carreira na Europa, porque tem todas as condições para isso. Depois sim, mais tarde, poderia dar um salto para uma Liga como a norte-americana", disse o treinador português, citado pelo site da Renascença.

"O André tem uma margem de progressão muito grande. Chegou ao Benfica e não é fácil impor-se. É evidente que ainda tem muito para crescer e terá qualidade para jogar num clube grande daqui a dois ou três anos, se continuar com esta progressão e com este crescimento", acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.