Os ‘dragões' sagraram-se campeões nacionais na jornada anterior, na partida com o Sporting, realizada também no Estádio do Dragão, e na qual os portistas venceram por 2-0.

A cerimónia simbólica aconteceu no final do jogo com o Moreirense, no qual os portistas golearam, por 6-1.

Tomás Esteves foi o primeiro a subir ao relvado, com a cara e o cabelo pintado, para receber a medalha de campeão. Seguiu-se todo o restante plantel ‘azul e branco', à exceção de Nakajima, que não foi chamado ao relvado. A equipa técnica encerrou a cerimónia, com Sérgio Conceição a ser o último a receber a medalha de campeão das mãos de Pedro Proença, presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP).

Danilo levantou a taça de campeões nacionais.

Já antes, durante o intervalo, o presidente da Liga de clubes, Pedro Proença, ofereceu a Jorge Nuno Pinto da Costa e a Miguel Almeida, representantes máximos de FC Porto e NOS, respetivamente, os dois primeiros números de uma edição limitada de mini taças da Liga NOS.

A coleção, limitada e numerada, é composta por 29 réplicas da Taça de Campeão Nacional 2019-20 da Liga NOS, em homenagem aos 29 títulos conquistados pelos ‘dragões' na sua história.

A Mini Taça é produzida com os mesmos materiais da Taça original e tem gravado o vencedor, bem como os nomes de todos os participantes da competição desde 1995-96.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.