O FC Porto venceu nove das últimas 10 receções ao Sporting para a I Liga portuguesa de futebol, solidificando a supremacia no histórico, que agora se cifra em 55,3% de triunfos.

Em 85 jogos no Porto, entre Lima, Ameal, Constituição, Antas e Dragão, os ‘azuis e brancos’ somam 47 vitórias, contra 14 dos ‘leões’, que só ganharam uma vez nas derradeiras 12 visitas (3-1 em 2015/16), num duelo ainda com 24 empates.

Os ‘dragões’, que também lideram claramente em termos de golos, com mais 67 – 151 contra 84 -, seguem com três triunfos consecutivos, todos por 2-1, o último na época passada, com reviravolta no final selada por Danilo e Herrera.

O encontro aconteceu na 34.ª e última jornada da I Liga 2018/19 e o Sporting marcou primeiro, aos 61 minutos, por Luiz Phellype. O FC Porto virou o resultado, mas falhou o título, face ao 5-0 do Benfica ao Santa Clara.

O 2-1 foi também o resultado de 2016/17, com um ‘bis’ de Soares na primeira parte, antes de Alan Ruiz reduzir na segunda, e de 2017/18, selado por Marcano e Brahimi, com Rafael Leão, agora no AC Milan, a empatar pelo meio.

Em 2015/16, aconteceu a única vitória do Sporting depois do 1-0 de 2006/07 - materializado por um livre direto do chileno Rodrigo Tello -, um 3-1 sem ‘espinhas’, com dois golos do argelino Slimani e um do brasileiro Bruno César.

Antes do triunfo do ‘onze’ de Jorge Jesus, o FC Porto vinha de seis triunfos consecutivos, os dois primeiros pela diferença mínima e o ‘selo’ de Falcao, que marcou no 1-0 de 2009/10 e ‘bisou’ no 3-2 de 2010/11.

Nos quatro anos seguintes, Hulk selou o 2-0 de 2011/12, Jackson e James o 2-0 de 2012/13, Josué, Danilo e Lucho o 3-1 de 2013/14 e Cristian Tello, a solo, o 3-0 de 2014/15, com golos aos 31, 58 e 82 minutos.

Face à supremacia total nos últimos anos, os portistas reforçaram a vantagem no histórico, que começaram a construir desde os primeiros jogos, com um triunfo por 4-2 em 1934/35, seguido da maior goleada de sempre (10-1).

O melhor período dos ‘dragões’ aconteceu entre 1976/77 e 95/96, com 13 vitórias e sete empates, em 20 jogos, sendo que, nos últimos 22 anos, só perderam duas vezes (15 triunfos e cinco igualdades).

Por seu lado, o Sporting teve os seus melhores momentos entre 1959/60 e 64/65, com quatro vitórias e duas derrotas, e entre 1971/72 e 75/76, período de cinco anos em que se manteve invicto (dois triunfos e três empates).

O ‘clássico’ entre FC Porto e Sporting, que encerra a 32.ª e antepenúltima jornada da I Liga portuguesa de futebol de 2019/20, está marcado para quarta-feira, às 21:30, no Estádio do Dragão, no Porto, vazio, por culpa da pandemia de covid-19.

- Os 85 jogos no reduto dos 'azuis e brancos' para o campeonato:

Época Data Jor. Resultado (marcadores)

34/35 03/03/35 7.ª 4-2 (Pinga 3, Lopes Carneiro/ Soeiro, Vasco Nunes)

35/36 22/03/36 8.ª 10-1 (Pinga 3, Nunes 4, Valdemar, António Santos, Carlos Pereira/ Possak)

36/37 31/01/37 3.ª 2-2 (António Santos, Pinga/ Soeiro 2)

37/38 06/02/38 3.ª 2-1 (António Santos, Pinga/ Heitor)

38/39 08/01/39 1.ª 2-1 (Nunes, Costuras/ Soeiro)

39/40 18/02/40 5.ª 4-2 (Kordnya 3, Petrak/ Ferreira, Peyroteo)

40/41 23/02/41 8.ª 2-2 (Nunes, Pinga/ Cruz 2)

41/42 05/04/42 12.ª 3-0 (Correia Dias 2, Nunes)

42/43 17/01/43 2.ª 2-2 (Correia Dias 2/ Peyroteo, Cruz)

43/44 12/03/44 16.ª 1-3 (Araújo gp/ António Marques, Peyroteo, Albano)

44/45 03/12/44 2.ª 3-1 (Lourenço, Catolino, Araújo/ Peyroteo)

45/46 27/01/46 8.ª 2-3 (Araújo, Joaquim/ Peyroteo 2, Armando Ferreira)

46/47 20/04/47 17.ª 2-4 (Boavida 2/ Albano, Jesus Correia 2, Peyroteo)

47/48 08/02/48 12.ª 4-1 (Correia Dias 3, Sanfins/ Jesus Correia)

48/49 05/12/48 12.ª 1-0 (Sanfins)

49/50 06/11/49 5.ª 2-1 (José Maria, Monteiro da Costa/ Wilson)

50/51 21/01/51 18.ª 3-0 (Nelo 2, José Maria)

51/52 28/10/51 6.ª 2-2 (José Maria 2/ Albano, Alfredo pb)

52/53 19/10/52 4.ª 1-1 (Eleutério/ Rola)

53/54 11/10/53 2.ª 1-0 (Hernâni)

54/55 23/01/55 16.ª 1-1 (Carlos Vieira/ Vasques)

55/56 01/01/56 12.ª 3-1 (Carlos Duarte, Jaburu, Hernâni/ Vasques)

56/57 14/10/56 5.ª 2-0 (Carlos Duarte, Hernâni)

57/58 08/12/57 14.ª 2-1 (Hernâni 2/ Vadinho)

58/59 28/09/58 3.ª 1-0 (Hernâni)

59/60 04/10/59 3.ª 1-4 (Perdigão/ Diego 2, Fernando 2)

60/61 23/10/60 5.ª 0-0

61/62 01/10/61 2.ª 0-2 (Lúcio, Morais)

62/63 25/11/62 5.ª 1-3 (Azumir/ Morais 2, Osvaldo Silva)

63/64 05/01/64 12.ª 2-1 (Jaime, Nóbrega/ Mascarenhas)

64/65 07/02/65 16.ª 1-3 (Carlos Manuel/ Osvaldo Silva, Lourenço 2)

65/66 26/12/65 12.ª 1-1 (Jaime/ Morais)

66/67 25/09/66 2.ª 1-0 (Carlos Baptista)

67/68 31/03/68 20.ª 0-1 (Vítor Gonçalves)

68/69 03/11/68 7.ª 1-1 (Custódio Pinto/ Lourenço)

69/70 08/02/70 18.ª 0-1 (Lourenço)

70/71 04/04/71 24.ª 2-1 (Joaquinzinho, Abel/ Dinis)

71/72 28/11/71 9.ª 0-0

72/73 11/09/72 1.ª 0-1 (Yazalde)

73/74 18/11/73 9.ª 1-1 (Marco Aurélio/ Chico Faria)

74/75 22/09/74 3.ª 1-1 (Cubillas/ Yazalde)

75/76 18/10/75 7.ª 2-3 (Murça, Gomes/ Chico Faria, Manuel Fernandes, Baltasar)

76/77 27/03/77 22.ª 4-1 (Oliveira 3, Duda/ Fraguito)

77/78 23/10/77 6.ª 3-0 (Octávio 2, Duda)

78/79 01/04/79 24.ª 0-0

79/80 11/05/80 27.ª 1-1 (Romeu/ Freire)

80/81 10/01/81 16.ª 1-0 (Walsh)

81/82 23/05/82 30.ª 2-0 (Jacques, Júlio)

82/83 29/08/82 2.ª 0-0

83/84 15/10/83 7.ª 1-0 (Gomes)

84/85 25/11/84 11.ª 0-0

85/86 02/11/85 9.ª 2-1 (André, Lima Pereira/ Venâncio)

86/87 02/11/86 9.ª 2-0 (Gomes 2)

87/88 31/10/87 10.ª 2-0 (Madjer, Sousa gp)

88/89 21/05/89 38.ª 3-0 (Madjer 2, Rui Águas)

89/90 04/03/90 22.ª 3-2 (Demol 2gp, Branco/ Marlon, Luisinho)

90/91 25/11/90 14.ª 2-0 (Geraldão, Jorge Couto)

91/92 18/08/91 1.ª 0-0

92/93 10/04/93 27.ª 0-0

93/94 03/05/94 27.ª 2-0 (Drulovic, Vinha)

94/95 11/12/94 14.ª 1-1 (Zé Carlos/ Figo)

95/96 20/08/95 1.ª 2-1 (Domingos 2/ Ouattara)

96/97 15/03/97 23.ª 1-2 (Barroso/ Beto, Pedro Barbosa)

97/98 08/11/97 9.ª 1-1 (Jardel/ Oceano gp)

98/99 19/12/98 16.ª 3-2 (Doriva 2, Jardel/ Edmilson, Heinze)

99/00 30/10/99 9.ª 3-0 (Chaínho, Jardel 2)

- Jogos no Século XXI:

00/01 19/03/01 25.ª 2-2 (Deco 65, Maric 90/ João Pinto 75, Acosta 77)

01/02 12/01/02 18.ª 2-2 (Jorge Andrade 06gp, Deco 73/ Pedro Barbosa 32, Jardel 35gp)

02/03 01/06/03 34.ª 2-0 (Hélder Postiga 36, Contreras 77pb)

03/04 02/09/03 3.ª 4-1 (Derlei 04, Jankauskas 52, Maniche 65, McCarthy 89gp/ Rochemback 79)

04/05 08/11/04 9.ª 3-0 (McCarthy 58, Diego 81, Carlos Alberto 87)

05/06 02/12/05 13.ª 1-1 (Jorginho 66/ Deivid 49)

06/07 17/03/07 22.ª 0-1 (Rodrigo Tello 72)

07/08 26/08/07 2.ª 1-0 (Raúl Meireles 54)

08/09 28/02/09 20.ª 0-0

09/10 26/09/09 6.ª 1-0 (Falcao 03)

10/11 17/04/11 27.ª 3-2 (Falcao 27, 50, Walter 87/ Matias Fernández 11, 89)

11/12 05/05/12 29.ª 2-0 (Hulk 82gp, 89)

12/13 07/10/12 6.ª 2-0 (Jackson Martínez 09, James Rodriguez 83gp)

13/14 27/10/13 8.ª 3-1 (Josué 12gp, Danilo 62, Lucho González 74/ William Carvalho 60)

14/15 01/03/15 23.ª 3-0 (Cristian Tello 31, 58, 82)

15/16 30/04/16 32.ª 1-3 (Herrera 35gp/ Slimani 23, 44, Bruno César 85)

16/17 04/02/17 20.ª 2-1 (Soares, 06, 40/ Alan Ruiz 60)

17/18 02/03/18 25.ª 2-1 (Marcano 29, Brahimi 49/ Rafael Leão 45+1)

18/19 18/05/19 34.ª 2-1 (Danilo 78, Herrera 87/ Luiz Phellype 61)

Nota: Jogos no Estádio do Lima (1934/35, 37/38, 40/41 e 43/44 a 46/47), Campo do Ameal (35/36 e 36/37), Campo da Constituição (38/39, 39/40, 41/42, 42/43 e 47/48 a 51/52), Estádio das Antas (52/53 a 2003/04) e Estádio do Dragão (desde 2004/05).

- Balanço:

Jogos: 85.

Vitórias do FC Porto: 47 (55,3%).

Empates: 24 (28,2%).

Vitórias do Sporting: 14 (16,5%).

Golos do FC Porto: 151.

Golos do Sporting: 84.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.