Vaná terminou a época passada a titular no FC Porto, fruto do problema cardíaco que afetou Casillas, mas bastaram três jogos da nova temporada para o guarda-redes passar de titular a excluído da convocatória.

O brasileiro, que brilhou ao serviço do Feirense, foi titular em alguns jogos de preparação já nesta temporada, mas perdeu espaço com a chegada de Marchesín e as boas exibições de Diogo Costa na pré-temporada. No último jogo, diante do Krasnodar, ficou na bancada e já terá pedido para sair.

De acordo com o jornal O Jogo, o guardião está a tentar convencer os responsáveis azuis e brancos a facilitar a sua saída, que, a acontecer, deverá fazer-se por empréstimo. No entanto, os dirigentes portistas mostram-se pouco inclinados em libertá-lo.

Vaná Alves tem mercado em Portugal e o recém-promovido Famalicão é a possibilidade mais forte para o guarda-redes prosseguir carreira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.