O antigo jogador do Sporting, Fernando Mendes, comentou o despedimento de José Peseiro do cargo de treinador do clube de Alvalade e considerou que a decisão foi 'inevitável' perante os maus resultados.

"Acho que era inevitável. Peseiro quando foi contratado por Sousa Cintra, mas não esteve entre as primeiras escolhas, trata-se de um treinador que nunca foi bem visto pelos adeptos. Apesar das condicionantes do início da temporada, e que tudo o que se passou tenha prejudicado a manobra do treinador - foi um início de época atípico para um clube com esta grandeza -, o que parecia mais preocupante é que com estes jogadores o Sporting tinha a obrigação de jogar um pouco mais", começou por afirmar Fernando Mendes na CMTV.

"Não está em causa a qualidade do treinador, mas ontem o Sporting fez uma exibição deprimente [contra o Estoril, na Taça da Liga] e no final o treinador disse que o Sporting até fez uma boa exibição. A qualidade que a equipa apresentou até hoje deixa muito a desejar. E no futebol quando as coisas não correm bem, sobra sempre para o treinador", sentenciou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.