Esta segunda-feira, os jogadores do Sporting regressaram à Academia de Alcochete para treinar de forma individual. No entanto, Jesé Rodríguez e Yannick Bolasie não fizeram parte do lote de atletas no centro de treinos dos leões.

Já esta terça-feira, o jornal desportivo 'A Bola' escreve que a ausência dos dois jogadores está relacionada com o facto de os dois estarem de saída do clube de Alvalade.

Antes da pandemia de coronavírus assolar o mundo, o Sporting já tinha decidido que não queria ficar com Jesé Rodríguez e Yannick Bolasie. A disseminação da doença e a consequente suspensão do campeonato acelerou a saída dos dois jogadores do clube leonino.

De notar que os dois jogadores chegaram ao Sporting no mercado de transferências de verão, provenientes dos franceses do Paris Saint-Germain e dos ingleses do Everton, respetivamente.

Ao serviço do Sporting, o avançado espanhol de 27 fez 17 jogos e apontou um golo, enquanto o avançado congolês de 30 anos realizou 25 jogos e marcou dois golos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.