“Gostaria que o resultado não se repetisse, mas, em termos de qualidade de jogo, gostaria de repetir essa exibição. Foi um jogo bem conseguido, numa fase da época em que jogávamos bem, mas cometíamos muitos erros”, disse Jorge Costa, na conferência de imprensa de antevisão do encontro.

No jogo da primeira volta, o Olhanense esteve a vencer por 2-0, com golos de Rabiola e Castro, mas permitiu a reviravolta no marcador, com Vukcevic a assinar o golo da vitória leonina a poucos minutos do apito final.

“Actualmente, continuamos a explanar um futebol de qualidade, fruto da consistência e maturidade que os jogos têm dado. A equipa está mais sólida e espero terminar este jogo com três pontos. Uma vitória será importante para ficarmos mais tranquilos e moralizar o plantel”, argumentou o técnico dos algarvios, que nos últimos sete jogos apenas perderam um encontro, em Leiria.

Do outro lado, está o Sporting, que Jorge Costa considera “claramente” favorito para este encontro, tendo em conta os objectivos diferentes de início de época.

“Somos humildes e trabalhamos tão bem ou melhor do que os outros, mas a nossa meta era e é a manutenção, enquanto o Sporting tinha como objectivo o título nacional”, afirmou.

O treinador do Olhanense, que treinou ao longo da semana em Vila Real de Santo António, para poupar o relvado do Estádio José Arcanjo, não se deixa enganar pelo mau momento do conjunto orientado por Carlos Carvalhal, que não vence há seis partidas oficiais.

“Não acredito na fase má do Sporting”, frisou, acrescentando: “Não atravessa um momento feliz, mas, a qualquer momento pode voltar às boas exibições e tem jogadores capazes de decidir. Aliás, gostei da sua exibição diante do Everton”, acrescentou Jorge Costa, sobre o jogo da Liga Europa, que os “leões” perderam por 2-1, em Inglaterra.

Jorge Costa comentou ainda a nomeação de Rui Costa (Porto), que curiosamente apitou o encontro da primeira volta.

“Apesar de ter ajuizado mal um lance, numa altura crucial da partida, penso que é um dos bons valores portugueses. Desejo-lhe felicidades”, salientou.

O central Sandro e o médio Rui Baião, que cumprem um jogo de castigo, estão fora do lote de opções de Jorge Costa, enquanto Miguel Ângelo está em dúvida, por lesão.

O Olhanense, 13.º classificado, com 18 pontos, recebe sábado o Sporting, quarto, com 28, no Estádio José Arcanjo, em Olhão, a partir das 21:15.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.