Desde que Sérgio Conceição assinou pelo FC Porto, na temporada de 2017/2018, o hacker Rui Pinto passou a seguir atentamente os passos do técnico portista. Meses antes, o hacker tinha começado o ataque ao Benfica.

Segundo o Correio da Manhã, Rui Pinto "consultou os apensos do processo que vai agora ser investigado autonomamente e verificou que o primeiro acesso ao email de Sérgio Conceição foi feito a 31 de outubro de 2017. Há outros registos de acessos a funcionários dos azuis-e-brancos, mas sempre de segunda linha".

De acordo com a mesma fonte, em fevereiro de 1017, o colaborador da Football Leaks tinha pirateado Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, assim como Rui Costa, José Eduardo Moniz e Luís Bernardo.

Para além do técnico portista e dos dirigentes encarnados, foram também pirateados vários e-mails de funcionários do Sporting.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.