O treinador Tiago Fernandes advertiu hoje que o Desportivo de Chaves, último classificado da I Liga de futebol, não pode deixar-se levar “pela emoção do momento” e pediu concentração “na estratégia” frente ao Feirense, penúltimo colocado do campeonato.

“É importante não olharmos para o momento, mas para a estratégia de cada jogo. Apenas sem pressão vamos conseguir pôr as nossas ideias em prática”, destacou o treinador do emblema de Trás-os-Montes, na antevisão ao encontro da 15.ª jornada do principal escalão, na quinta-feira, às 16:00, em Chaves.

Os ‘transmontanos’ somam sete derrotas consecutivas no campeonato e Tiago Fernandes pediu que os seus jogadores se foquem “única e exclusivamente nas ideias para a partida”.

No domingo, o Desportivo de Chaves regressou às vitórias, ao impor-se em casa ao Varzim, da II Liga, para a Taça da Liga, resultado que, apesar de não permitir seguir em frente na competição, deu “alento” ao grupo.

“É sempre mais fácil e saboroso trabalhar semana após semana com vitórias e é para isso que trabalhamos todos os dias, para dar alegrias aos adeptos e à direção”, garantiu.

Após quatro partidas à frente dos ‘flavienses’ Tiago Fernandes admitiu que os primeiros jogos “foram difíceis”, pois procurou dar “intensidade e competitividade aos jogadores”.

O técnico vê agora a equipa “mais fresca e mais solta” para jogar da forma que pretende, destacando que uma vitória irá “dar o alento que falta”.

O Feirense também atravessa um mau momento na I Liga, com 12 jogos sem vencer e duas derrotas consecutivas, mas o treinador do clube de Chaves espera um adversário “na máxima força”.

“É uma boa equipa, bem orientada e com bons jogadores, que tem qualidade, mas que por uma ou outra razão ainda não conseguiu muitos pontos”, analisou.

Tiago Fernandes anteviu um encontro entre duas equipas “a lutarem pelos três pontos” e um oponente “com concentração e vontade de somar”.

O Desportivo de Chaves, que não divulgou a lista de convocados, já apresentou dois reforços no ‘mercado de inverno’, mas que, “por questões burocráticas”, estão em dúvida para o desafio de quinta-feira, informou fonte do clube.

O extremo internacional sul-africano, Luther Singh, de 21 anos, foi emprestado pelo Sporting de Braga, enquanto o atacante português Rúben Macedo, de 22 anos, é reforço por empréstimo do FC Porto, ambos até ao final da temporada.

Garantindo ter “os alvos identificados” e estar “atento ao mercado”, Tiago Fernandes admitiu que poderá ver a equipa reforçada com mais “um ou dois jogadores, no máximo”.

“Sabemos as nossas limitações e também as nossas ambições e se pudermos vamos acrescentar algumas opções”, adiantou.

O encontro da 15.ª jornada da I Liga entre o Desportivo de Chaves, último classificado, com sete pontos, e o Feirense, penúltimo, com 10, realiza-se na quinta-feira, às 16:00, no Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira, em Chaves.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.