Alexandra Carvalho, irmã de Bruno de Carvalho, já reagiu à expulsão de sócio do antigo presidente do Sporting em Assembleia Geral.

"É o resultado que saiu daqui, vamos ver se isto fica por aqui. Pelo menos houve algo de positivo: a história do Sporting mostra-nos que os mandatos de presidência são normalmente curtinhos, demonstrando a divisão que sempre existiu. Desta vez durou mais a insatisfação. É muito positivo que os sócios tenham começado mesmo a manifestar-se. O problema está identificado, agora é começar a resolvê-lo", disse Alexandra Carvalho, em declarações reproduzidas pelo jornal A Bola.

A irmã de Bruno de Carvalho adiantou ainda que serão apresentados requerimentos devido aos boletins de voto.

"Estamos a apresentar requerimentos. Retiraram o código de barras e mantiveram a numeração. Não é preciso ser grande informático para chegar à pessoa que votou. É uma ilegalidade muito grande", acrescentou.

Recorde-se que Bruno de Carvalho viu hoje confirmada a sua expulsão de sócio do Sporting, depois da votação na assembleia geral (AG) extraordinária sobre o recurso do ex-presidente, este sábado.

69,3 por cento dos votantes mostraram-se a favor da expulsão do antigo presidente 'leonino', enquanto 29,79 votaram a favor do recurso interposto por Bruno de Carvalho.

Alexandre Godinho, antigo membro do Conselho Diretivo do Sporting, também foi expulso de sócio, uma vez que houve 68,2 por cento de votos a favor da expulsão, contra 30,54 a favor da permanência.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.