Gil Vicente bateu o Tondela por 3-2 em casa e afundou a equipa beirã na tabela, que agora soma os mesmos 30 pontos que Vitória de Setúbal, penúltimo classificado, e Portimonense.

No final do encontro, o treinador do Gil Vicente Vítor Oliveira analisou a vitória da sua equipa.

"A vitória foi justa, foi difícil, mas podíamos ter sido penalizados. Tivemos 70 minutos de muita qualidade e depois esquecemo-nos de uma coisa fundamental: o futebol é um jogo coletivo. Quando começamos a pensar mais com o umbigo que com a cabeça, pomo-nos a jeito", salientou.

"O mais importante é a seriedade que tem de haver nestes jogos porque está muita coisa envolvida. Não diretamente para nós, embora o Gil Vicente queira ganhar todos os jogos, mas estaria para as equipas que estão a lutar pela manutenção na I Liga. Nós nos últimos 20 minutos não encarámos o jogo com seriedade. A nossa equipa chegou onde chegou porque sempre teve um sentido coletivo e damos barraca e somos fracos quando não somos coletivamente fortes", acrescentou Vítor Oliveira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.