Quim Machado vai treinar o Vilafranquense na próxima temporada, anunciou hoje o clube da II Liga portuguesa de futebol, num comunicado publicado nas suas redes sociais.

O técnico, de 53 anos, vai assim regressar ao ativo, após um ano sem treinar qualquer equipa.

"O que me leva a abraçar este projecto, foi a abordagem das pessoas que estão à frente do clube. São pessoas do futebol e a ambição demonstrada. Depois deste ano sabático, queria voltar ao ativo num projeto que condiz com a minha imagem", admitiu Quim Machado, que treinou o Arouca em 2018/19.

Quim Machado diz que neste momento o Vilafranquense lhe dá a possibilidade de “pôr novamente à prova” o seu valor, prometendo “um futebol de qualidade e entrar em todos os jogos para ganhar”.

“Temos de ter essa ambição, mas, principalmente, incutir mentalidade vencedora com um futebol de qualidade", considera o treinador, que já garantiu a subida de duas equipas à I Liga: Tondela (2014/15) e Feirense (2010/11).

Após a época de estreia, os ribatejanos vão participar pela segunda vez na II Liga, que foi cancelada com 10 jornadas por disputar, devido à COVID-19.

"As pessoas que estão a frente do clube têm a ambição de querer algo mais para o clube. Os sócios, simpatizantes e adeptos podem esperar da nossa parte muito trabalho, muita dedicação e da parte da equipa técnica 24 horas a trabalhar. Penso que vamos todos viver uma época fantástica e levar o clube para um patamar diferente", assegurou.

Quim Machado acredita que o futuro do futebol vai ser "uma realidade diferente”, mas acredita que vai voltar “a paixão pelo futebol”.

“Vamos ter publico novamente. O medo e o receio das pessoas vão desaparecendo. O futebol é bonito é quando nós temos público", disse.

Aquando da interrupção e posterior anulação da II Liga, devido à covid-19, com 24 pontos das 34 jornadas disputadas, o Vilafranquense ocupava a 16.ª posição, com 24 pontos, sete acima da ‘linha de água’.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.