O internacional português Eduardo foi o escolhido nos convocados da Seleção Nacional para falar hoje à comunicação social e os muitos rumores do mercado de transferências não passaram ao lado da conferência de imprensa.

Questionado sobre a influência que as possíveis mudanças de carreira estão a ter em jogadores como Rafa e Adrien, o guardião português foi taxativo a recusar qualquer efeito nos jogadores. "Encontrei-os felizes por estarem na Seleção. É aquilo que vejo e que sinto. Estão felizes por estar a viver este regresso e o início de um grande objetivo. O mercado faz parte das nossas vidas e temos de saber viver com isso", começou por dizer o campeão europeu no Euro2016.

Por outro lado, Eduardo lembrou que pela frente há dois desafios importantes para a Seleção e que se sobrepõem ao mercado. "Estamos na Seleção e este é um momento importante. O facto de estarmos no mercado e poder haver ainda situações pendentes não afeta, são situações da vida. Creio que isso não vai afetar em nada", rematou.

A equipa das quinas treina a partir das 10h30 na Cidade do Futebol, em Oeiras, numa sessão em que os primeiros 15 minutos serão abertos à comunicação social.

O particular com Gibraltar está agendado para quinta-feira, no Estádio do Bessa, no Porto, e o embate na Suíça, o primeiro jogo de qualificação para o Mundial2018, realiza-se a 06 de setembro, em Basileia.

Portugal está inserido no Grupo B juntamente com as seleções da Suíça, Andorra, Ilhas Faroé, Letónia e Hungria

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.