Segundos fontes judiciais citadas pela Agência EFE, o ex-capitão do AC Milan figura numa lista de 43 pessoas indagadas pelo Fisco milanês.

Na lista está igualmente incluída a mulher de Maldini, Adriana Fossa, por supostas práticas de obtenção de tratamento fiscal favorável.

A investigação a Maldini foi iniciada depois de uma escuta telefónica de Janeiro de 2009, entre o futebolista e Luciano Bressi, funcionário da Agência Tributária Italiana em Milão e detido em Junho pelas autoridades.

Nessa conversa, pode escutar-se Paolo Maldini a pedir a Bressi que facilite informação fiscal sobre Alessandro Paolo Baresi, irmão de dois futebolistas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.