O jornal italiano 'Gazzetta dello Sport' revela esta terça-feira que Cristiano Ronaldo não será multado pela Juventus por, alegadamente, ter abandonado a Allianz Arena depois de ser substituído no jogo com o Milan.

O avançado português saiu aos 55 minutos do clássico da Serie A, cedendo o lugar a Paulo Dybala, que acabaria por marcar o golo do triunfo por 1-0, aos 77', e seguiu diretamente para o balneário, abandonando o estádio ainda antes de a partida terminar.

O clube de Turim pretende resolver o caso de forma discreta, de forma a não suscitar polémicas. Ronaldo não será multado, mas o clube quer reunir-se com ele assim que terminar os compromissos pela seleção portuguesa.

O encontro servirá para pedir explicações ao jogador e recomendar que situações do género não se voltem a repetir. Além disso, é referido que o plantel da Juventus aguarda por um pedido de desculpas de Ronaldo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.