Matteo Salvini, líder do partido da Liga (da extrema direita italiana) não poupou Balotelli que se insurgiu no último fim de semana contra os insultos racistas de que foi alvo no último fim de semana.

"Balotelli é italiano e quem distingue o ser humano pela cor da pele é um idiota. Agora lições de um milionário mimado e rude não podemos aceitar".

No Parlamento italiano, o dirigente político já não tinha dado muita importância ao caso, coloca mesmo em causa o exemplo do avançado do Brescia na sociedade.

"Os italianos são italianos, independentemente da cor da pele, mas para mim, Balotelli não é um modelo."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.