O jornal espanhol Marca dá conta esta terça-feira para as negociações entre a Federação Espanhola de Futebol (RFEF) e a Arábia Saudita tendo em vista a realização da Supertaça de Espanha no médio oriente.

De acordo com a informação veiculada pelo referido diário espanhol, as negociações entre as duas partes já estão a decorrer para um acordo de seis anos a começar já em 2020. Segundo o mesmo jornal, a federação espanhola quer receber 30 milhões de euros por época para a realização da Supertaça de Espanha na Arábia Saudita o que poderá significar um encaixe de 180 milhões de euros para a RFEF.

A Supertaça de Espanha vai mudar de formato nas próximas edições devendo disputar-se no mês de janeiro e nos mesmos moldes de uma 'final four'.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.