Em caso de triunfo na Taça de Portugal e no campeonato, Bruno Lage poderá encaixar cerca de 1,6 milhões de euros brutos em prémios.

De acordo com informações apuradas pelo jornal Record, a conquista do '37' valeu ao técnico cerca de 1 milhão de euros. O bicampeonato permite um bónus de 1,5 milhões, mais cem mil euros, caso vença a prova rainha no Jamor.

Ou seja, cerca de 2,6 milhões em dois anos, só em prémios. Na última renovação, o técnico passou a receber 500 mil euros líquidos por época, sendo incluídos prémios por objetivo.

Com o arranque da participação do Benfica na Taça de Portugal, frente ao Cova da Piedade, a competição também é um dos principais objetivos da época.

Com esses objetivos em mente, Bruno Lage vai tentar que os encarnados consigam a 12.º 'dobradinha' da sua história, igualando uma marca ao alcance de apenas nove treinadores das 'águias'. Rui Vitória e Jorge Jesus foram os únicos dois treinadores portugueses que conseguiram obter esse feito.

Bruno Lage encontra-se a negociar nova renovação de contrato, e poderão ser conhecidos novos desenvolvimentos após o jogo com o Lyon, a contar para a Liga dos Campeões.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.