As competições desportivas podem recomeçar na segunda-feira no Reino Unido, sem espectadores e seguindo as indicações da autoridade de saúde em relação à covid-19, anunciou hoje o governo britânico.

A abertura dada hoje pelo governo permite o recomeço da liga inglesa de futebol, marcado para 17 de junho, após cerca de três meses de interrupção devido à covid-19.

O diploma governativo refere que é pedido que se mantenha a distância nos encontros "durante quaisquer discussões entre jogadores e os árbitros, e nos festejos dos golos".

"A espera chegou ao fim. O desporto ao vivo britânico vai regressar em breve, em ambientes seguros e controlados", disse o secretário da Cultura, Oliver Dowden, com o snooker e as corridas de cavalos a serem as primeiras modalidades a recomeçarem.

Na quinta-feira, a Liga inglesa de futebol, suspensa desde 13 de março devido à pandemia da covid-19, tinha anunciado o regresso em 17 de junho, com a realização de dois encontros em atraso.

A prova vai ser retomada mais de três meses depois do último jogo, disputado em 09 de março, entre Leicester e Aston Villa, e quando o Liverpool está a dois triunfos de vencer a prova e acabar com uma ‘seca’ que dura desde 1989/90.

Na altura da interrupção, os campeões europeus em título somavam 82 pontos, em 29 jogos, enquanto o detentor do troféu Manchester City contava 57, em 28 encontros.

A edição 2019/20 da ‘Premier League’ tem 92 encontros por disputar, todos os das últimas nove jornadas e ainda dois em atraso, que se realizarão em 17 de junho, uma quarta-feira: o Manchester City-Arsenal e o Aston Villa-Sheffield United.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.