Enquanto resto do mundo continua a fechar portas aos adeptos e a adiar ou cancelar vários eventos desportivos, em África tudo corre dentro do normal. A Confederação Africana de Futebol (CAF) emitiu um comunicado, onde explica que mantém todas as suas competições porque "de acordo com OMS, nenhum país africano foi declarado em risco para o coronavírus ".

Assim, vamos ter 48 jogos de futebol em mais de 40 países africanos na fase de apuramento para a Taça das Nações Africanas de 2021, agendados para 23 e 31 de março. As meias-finais da Liga dos Campeões Africanos estão agendados para 1 e 8 de maio. Há ainda as provas nas várias ligas locais de futebol a decorrer dentro da normalidade.

A CAF confirmou também que o CHAN (Campeonato Africano de seleções apenas para jogadores residentes em África) ocorrerá normalmente nos Camarões de 4 a 25 de abril. Apesar de tudo, uma delegação do Comité Médico da CAF visitará Camarões de 14 a 15 de março de 2020 para avaliar as medidas preventivas da organização da prova.

Até agora foram registados 117 casos de Covid-19 em África e dois mortes.

O número de pessoas infectadas com COVID-19 em todo o mundo atingiu os 124.101, segundo um balanço da AFP baseado em fontes oficiais esta quarta-feira às 14H00. A pandemia já causou 4.566 mortes em 113 países e territórios.

Depois da China, Itália é o país mais afetado (12.462 casos, dos quais 2.313 novos, 827 mortos). Segue-se o Irão (9.000 casos dos quais 958 novos, 354 mortos), Coreia do Sul (7.755 casos, dos quais 242 novos, 60 mortos) e Espanha (2.128 casos, dos quais 506 novos, 47 mortos). Albânia, Suécia, Irlanda, Bélgica, Panamá e Bulgária anunciaram os seus primeiros casos fatais desde terça-feira. Brunei, Honduras, Bolívia, Costa do Marfim e Turquia, anunciaram os seus primeiros casos.

Desde o início da epidemia, a Ásia adicionou 90.535 infecções (3.236 mortes), a Europa 22.307 (930), o Oriente Médio 9.876 (364), Estados Unidos e Canadá 989 (29), a América Latina e Caribe 148 (2), Oceania 129 (3) e a África 117 (2).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.