A seleção portuguesa de andebol de sub-21 fez hoje história, ao afastar, após prolongamento, a favorita Alemanha no mundial da categoria, qualificando-se para os quartos de final, após triunfo por 37-36, em Pontevedra, Espanha.

O encontro chegou ao intervalo (14-14) e ao final do tempo regulamentar empatado (30-30), pelo que foram necessários 10 minutos de tempo extra, nos quais os pupilos de Nuno Santos foram mais fortes, marcando encontro nos ‘quartos’ com a Eslovénia.

Diogo Silva e André Gomes, ambos com oito golos, e Luís Frade e Gonçalo Vieira, os dois com seis, foram os portugueses em destaque no encontro, que teve como melhor marcador Dimitri Ignatov, com 10, seguido de Sebastian Heymann, com nove.

A Alemanha foi campeã do Mundo em 2009 e 2011, ‘vice’ em 2007 e terceiro em 2015, sendo que no derradeiro mundial, em 2017, foi quarta.

Portugal apenas por uma vez atingiu as meias-finais, concluindo a prova em terceiro em 1995 na Argentina, após vencer a Noruega por 24-23, numa edição conquistada pela Rússia, que se impôs à Espanha por 29-28.

A formação das ‘quinas’ vai disputar o acesso às meias-finais com a Eslovénia, terceira em 2003 e 2009 e vencedora nos ‘oitavos’ perante a Coreia do Sul (32-28), num embate marcado para quinta-feira, em Pontevedra, pelas 18:45.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.