O judoca português Anri Egutidze, de origem georgiana, perdeu hoje ao terceiro combate nos Mundiais da modalidade, em Baku, ao ‘cair’ perante o líder mundial dos -81 kg, o iraniano Saeid Mollaei.

No quarto dia dos Mundiais, Anri Egutidze, décimo do ‘ranking’ mundial, era o único português em prova e, depois de vencer Zebeda Rekhviashvili (12.º), da Geórgia, e Seungsu Lee (24.º), da Coreia do Sul, encontrou Mollaei.

O iraniano, como líder mundial, era um dos grandes favoritos nos ‘tatamis’ de Baku e no primeiro confronto de sempre com Egutidze venceu por ‘ippon’ (pontuação máxima que determina o final imediato do combate).

Na competição, Portugal apresenta-se com 15 judocas, numa fase em que Telma Monteiro já foi eliminada, ao perder no sábado com a japonesa Tsukasa Yoshida, vice-líder mundial nos -57 kg, e que acabaria por conquistar o título de campeã.

Telma, a melhor judoca portuguesa de sempre, com um bronze olímpico e quatro títulos de vice-campeã mundial, ‘pagou’ a dificuldade do sorteio, num momento da carreira em que é apenas 16.ª do ‘ranking’ mundial.

Os Mundiais na capital azeri proporcionaram a Catarina Costa o melhor resultado dos portugueses até ao momento, com a judoca de Coimbra a terminar em quinto lugar, na quinta-feira, nos -48 kg.

Catarina venceu quatro de seis combates e perdeu na luta pela medalha de bronze com a campeã olímpica em título, a argentina Paula Pareto.

Na segunda-feira a competição prossegue, dia em que se compete nos -90 kg masculinos, com Tiago Rodrigues (158.º) e João Martinho (113.º) em ação.

Portugal ainda terá Yahima Ramirez (-78 kg) e Jorge Fonseca (-100 kg) na terça-feira, mas não conta com judocas no último dia, destinado aos +78 e +100 kg.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.