O diretor geral da equipa Monster Energy Honda, o português Ruben Faria, pede "pés bem assentes no chão" aos seus pilotos, que lideram a classificação das motas, para a segunda e decisiva semana do Rali Dakar de todo-o-terreno.

Hoje, em Riade, capital da Arábia Saudita, país que acolhe pela primeira vez a prova, Ruben Faria disse que todo o grupo "está muito bem".

A Honda tem três pilotos nos cinco primeiros lugares da classificação, liderada pelo norte-americano Ricky Brabec (Honda), com 20.56 minutos de avanço sobre o chileno Pablo Quintanilla (Husqvarna).

"Temos estado muito bem, a equipa tem estado tranquila, o que é muito importante, e a mota também tem estado bem. Sabemos o que é preciso fazer e isso é o mais importante para enfrentar a segunda semana, porque ainda faltam seis etapas", frisou Ruben Faria.

O algarvio, que em 2013 terminou no segundo lugar, disse que se vão "manter focados no trabalho e sempre com os pés bem assentes na terra".

Este domingo, disputa-se a sétima de 12 etapas da 42.ª edição, com um total de 741 quilómetros entre Riade e Wadi Al Dawa, 546 deles cronometrados, naquele que é o mais longo setor seletivo da prova.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.