O selecionador português José Santos classificou hoje como muito boa a prestação portuguesa nos Campeonatos Europeus de atletismo, que terminaram no passado fim de semana em Berlim.

Num balanço ainda a 'quente' traçado à agência Lusa sobre os resultados dos portugueses nos Europeus, José Santos não tem dúvidas: "Fizemos um campeonato dentro das expetativas. Claro que contava que a equipa estivesse bem em mais uma ou outra situação, e também contávamos que numa equipa com 34 atletas alguns não estivessem tão bem."

"Mas, com duas medalhas de ouro, oito finalistas, mais alguns atletas que atingiram lugares de semifinalistas, numa equipa assim, acho que é um resultado muito bom", disse.

O selecionador luso ressalvou ainda que "houve vários atletas entre os nono e 10.º lugares", pelo que considera que a equipa esteve "muito bem".

"Foi um dos melhores campeonatos em que estivemos. Ainda não posso comparar correctamente, porque há campeonatos em anos olímpicos que não têm todas as disciplinas, mas, em relação a 2014, que foi um ano sem Jogos, estivemos melhor. Nesses Europeus que são disputadas em anos olímpicos há menos atletas", disse.

José Santos acrescentou: "Nós temos agora uma equipa mais equilibrada, com todas as áreas do atletismo, e notamos mais competitividade entre sectores, com todos a quererem apresentar melhores resultados, o que é saudável."

"Sobre o meio-fundo, considero que temos um grande trabalho pela frente. Já fizemos coisas grandiosas, mas agora não apresentamos a mesma valia. Não vale a pena esconder a 'cabeça na areia'. Mas estamos a dar passos para tentar resolver a situação. Antes de virmos para Berlim, tivemos uma reunião em que foi decidido termos uma equipa técnica mais alargada no meio fundo, ficando a trabalhar com três técnicos. Mantemos o António Graça na formação, ficamos com o António Sousa no meio-fundo longo, e contaremos com o Pedro Rocha no meio-fundo curto", anunciou José Santos.

O técnico realçou ainda "a juventude desta seleção, que teve muitos estreantes, ambiciosos, que querem muito ter sucesso pelo país".

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.