O português João Oliveira terminou hoje em 11.º lugar a ultramaratona grega Spartathlon, depois de se ter sagrado campeão em 2013, numa prova ganha pelo lituano Sorokin Aleksandr.

O atleta, de 40 anos, cumpriu os 246,8 quilómetros entre Atenas (Acrópole) e Sparta em 25:51.49 horas, cerca de uma hora a menos do que o ano passado, em que terminou no 12.º lugar, com 26:41.52 horas.

Em 2013, o ultramaratonista, natural de Chaves, venceu a prova com 23:29.08 horas.

A 35.ª edição da Spartathlon foi ganha pelo lituano Sorokin Aleksandr, em 22:04.04 horas, seguido do Checo Brunner Radek, com 22:49.37, e do grego Sideridis Nikolaos, com 22:58.40.

A ultramaratona Spartathlon reproduz o percurso feito há 2.500 anos pelo lendário mensageiro Pheidippides, enviado a Esparta para pedir ajuda contra os persas na Batalha de Maratona.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.