A equipa de basquetebol do Petro de Luanda chegou, esta quarta-feira, a Angola, proveniente de Madagáscar, onde disputou, de 15 a 17 do corrente mês, a fase de grupos de qualificação para a elite G-8 da Afroliga, classificando-se na segunda posição.

À chegada ao Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, o técnico Lazaro Adingono considerou positiva a participação do grupo em Antananarivo, por ter cumprido o objetivo inicial, que passava pelo apuramento para a etapa seguinte, embora o primeiro lugar fosse a meta.

O timoneiro tricolor enalteceu os atletas pelo feito, salientando que, de momento, a equipa está focada no Unitel Basket e só mais tarde no próximo adversário da AfroLiga, o 1.º de Agosto, nas eliminatórias agendadas para o período de 22 de março a 14 de abril, em duas mãos.

O Petro de Luanda fez parte do grupo D (dias 15, 16 e 17), juntamente com as formações do COSPN (Madagáscar), BC Mazembe (RD Congo) e Smouha (Egipto), tendo no primeiro jogo vencido os malgaxes por 99-76, e, no segundo jogo, o conjunto congolês democrático por 74-61.

Na última jornada, a turma do “Eixo Viário” perdeu contra os egípcios (79-62), o que não mata o sonho da equipa de conquistar o terceiro troféu continental, depois das proezas de 2006 e 2015, na extinta Taça da Liga dos Clubes Campeões de África.

A fase de grupos da “Afro League”, nova denominação da referida competição, é disputada de forma separada. Os jogos da série C (1.º de Agosto, Al Ahly do Egipto, REG do Rwanda e Ferroviário de Moçambique) disputaram-se de 8 a 10 deste mês.

O AS Salé do Marrocos, o Hoopers da Nigéria, o JS Kairouan da Tunísia e o SLAC da Guiné- Conacry (inseridos no grupo A) competem de 1 a 3 de março na localidade marroquina de Salé, enquanto o grupo B (ES Rades da Tunísia, Defenders da Nigéria, Elan BBC do Benin e BC Terreur do Congo) joga de 8 a 10 do mesmo mês, em Cotonou, no Benin.

Os dois primeiros de cada série passam à Elite 8 (1.º de gosto já está apurado), etapa em que os oito classificados jogarão no sistema eliminatório a duas mãos, para se encontrar os quatro finalistas que disputam o troféu no sistema de 'final four', de 3 a 5 de maio.

O AS Salé do Marrocos é o campeão em título do antigo modelo da prova.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.