A NBA está em estado de alerta, depois de se ter ficado a saber que Nikola Jokic deu positivo ao novo coronavírus, embora se encontre assintomático. O jogador dos Denver Nuggets esteve recentemente com Novak Djokovic, que também está infetado, e os dois atletas sérvios chegaram mesmo a tirar fotos juntos, próximos e sem máscara de proteção.

"Estamos todos bem. Nikola está bem e não tem sintomas. Ele está connosco e tudo está bem", disse Branislav Jokic, pai do basquetebolista, em declarações à televisão sérvia Nova.

Jokic vai ainda permanecer na Sérvia por pelo menos mais uma semana, para cumprir a quarentena, antes de poder voltar aos Estados Unidos, isto numa altura em que os jogadores das várias equipas da NBA começam a ser testados com vista ao retomar da temporada, marcado para 31 de julho, na Disney World.

Mas as dores de cabeça para a Liga Norte-Americana de Basquetebol não se ficam por aqui. Ade acordo com o 'Arizona Republic', os Phoenix Suns suspenderam os treinos individuais depois de ficarem a saber que dois dos basquetebolistas da equipa, cuja identidade não foi revelada, também se encontram infetados com COVID-19. E há relatos por parte da ESPN de que quatro jogadores de outra equipa da Conferência Oeste que luta pelo 'play-off' também terão testado positivo.

Ainda assim, a NBA e o sindicato dos jogadores (NBPA) dizem-se preparados para um número significativo de casos positivos. "Quando avançámos para o retomar da competição tivemos de ser realistas. Alguns jogadores vão positivo. É inevitável e o que é preciso é saber o que fazer quando tal suceder. Honestamente, não creio que seja muito diferente daquilo com que qualquer outro cidadão do país se depara neste momento", sublinhou Michele Roberts, diretora executiva do sindicato, aquando do anúncio do retomar da competição.

O plano de regresso da NBA diz que, depois de as equipas estarem concentradas e a preparar o retomar da prova ou já a disputá-la, terão sete dias para substituir um jogador que teste positivo ao novo coronavírus a partir do momento em que este abandone os treinos. O campo de treinos na Disney World, na Flória, vão abrir a 11 de julho e, se tudo correr como previsto, a temporada recomeça a 31 de julho.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.