Depois da emissão do documentário 'The Last Dance' sobre a carreira de Michael Jordan, as memórias de alguns antigos jogadores na NBA têm sido reavivadas nos últimos tempos.

Desta vez foi Antoine Carr, suplente dos Utah Jazz durante as finais da NBA de 1998, a recordar as táticas dos habitantes de Chicago para distrair os jogadores dos Jazz.

Segundo Carr uma das formas que tinham de os cansar e distrair metia Playboy e bolos.

"A gente de Chicago tentava sempre arranjar alguma coisa. Assim, à noite, quando estávamos no hotel apareciam modelos da Playboy à porta dos quartos com um bolo. Tinham uma gabardina e depois de te darem o bolo, tiravam-na e diziam 'Bem-vindo a Chicago!' Propunham-te passarem uma noite juntos.", contou.

Antoine Carr afirma que consigo a tatica nunca funcionou, mas não esconde que aproveitou o bolo.

"Comigo não funcionou, mas se és um jovem e na única coisa que consegues pensar é numa mulher bonita antes de um jogo... Mas o bolo estava bom", concluiu.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.