O campeonato de basquetebol VTB League, que envolve as melhores equipas russas, mas também outras de leste, da Polónia, Bielorrússia, Cazaquistão ou Estónia, não vai atribuir título de campeão esta época.

“Não existe razão para continuarmos o campeonato, quando as fronteiras estão fechadas, as equipas não podem jogar e os clubes tiveram que deixar sair os jogadores estrangeiros”, justificou Ilona Korstine, antiga basquetebolista e diretora-geral da Liga.

Por estes motivos, “não haverá campeão em 2019/20”, numa fase da época em que não se verificam as mesmas condições para todos os clubes.

“As equipas não disputaram o mesmo número de jogos, a época regular não terminou”, adiantou.

O campeonato era liderado pelo Khimki, clube igualmente envolvido na Euroliga, à frente do CSKA Moscovo.

Esta decisão acontece dois dias depois da liga de hóquei no gelo, também com maioria de clubes russos, ter adotado uma posição similar, de não existir atribuição do título esta época, devido à crise sanitária que se vive.

A pandemia da Covid-19 levou as autoridades russas a suspenderem as competições desportivas até 10 de abril, medida que deverá ser estendida nos próximos dias, quando a Europa atravessa o seu momento mais crítico na luta contra o novo coronavírus.

A Rússia regista até hoje 1.036 casos de pessoas infetadas e três mortos.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou cerca de 540 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram perto de 25 mil. Dos casos de infeção, pelo menos 112.200 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro de 2019, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

A Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, com 8.165 mortos em 80.539 casos registados até hoje.

Em Portugal, registaram-se 76 mortes e 4.268 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde.

Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 02 de março, encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 02 de abril.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.