O pugilista americano de origem mexicana Víctor Ortiz, ex-campeão mundial de boxe, foi preso terça-feira na Califórnia, Estados Unidos, e não lutará no próximo sábado, como estava previsto, com John Molina Jr., informou no Instagram o adversário.

Ortiz, de 31 anos, entregou-se à polícia da localidade de Oxnard, após as autoridades emitirem uma ordem de prisão por uma suposta violação, que terá ocorrido no dia 19 de março, no interior da casa do pugilista.

A esquadra de Ventura anunciou que Ortiz deverá comparecer no dia 1 de outubro a um tribunal para ser ouvido.

"Sinto muito por todos os meus amigos, minha família e meus fãs. Estava mais do que preparado para esta luta. Voltarei em breve ao ringue e estarei em casa neste domingo", escreveu Ortiz no Instagram.

A luta iria acontecer neste sábado, em Ontário, no Canadá.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.