Depois de ter alcançado a marca impressionante de 50 vitórias a zero, batendo a marca de Rocky Marciano, Floyd Mayweather garantiu que está mesmo de saída do boxe, e não irá regressar da reforma.

O pugilista norte-americano elogiou o adversário e espera um dia "estar no Hall of Fame".

"Este foi o meu último combate. E escolhi o parceiro perfeito para disputá-lo. Connor, és um campeão. (...) Rocky Marciano é uma lenda e um dia estar no Hall of Fame", afirmou.

Em relação às críticas do irlnadês contra a decisão da arbitragem de parar o combate, Mayweather garante que foi o melhor que podia acontecer a McGregor

"O árbitro estava a pensar no teu futuro."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.