O ex-futebolista internacional inglês Rio Ferdinand anunciou hoje que vai ‘pendurar as luvas’ ainda antes de ter disputado o primeiro combate, depois de o organismo regulador em Inglaterra ter recusado atribuir-lhe uma licença de pugilista profissional.

“Depois de ter treinado cinco a seis vezes por semana desde que anunciei a intenção de obter uma licença de pugilista profissional e entrar dentro do ringue é com pesar que penduro as luvas”, lamentou Ferdinand, na sua conta na rede social Facebook.

Para o antigo defesa do Manchester United, que se sagrou seis vezes campeão inglês de futebol e conquistou uma Liga dos Campeões em representação dos ‘red devils’, “falar em desilusão nesta altura é um eufemismo”.

“Queria mostrar às pessoas que é positivo ter objetivos e lutar para os alcançar. [...] Não ter a possibilidade de demonstrar as minhas qualidades, quando isso foi permitido a outros, é muito difícil de suportar”, escreveu Ferdinand, de 39 anos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.