O ciclista alemão Maximilian Schachmann (Bora-hansgrohe) tornou-se hoje o primeiro líder da 78.ª edição do Paris-Nice, ao impôr-se no final da etapa inaugural, com partida e chegada em Plaisir.

Numa edição marcada pela ausência de várias equipas, devido ao receio de contágio com o coronavírus Covid-19, o campeão alemão foi o mais forte entre quatro ciclistas que discutiram a vitória, cumprindo os 154 quilómetros em 3:32.19 horas.

Os belgas Dylan Teuns (Bahrain-McLaren) e Tiesj Bennot (Sunweb) cortaram a meta com o mesmo tempo de Schachmann, enquanto o francês Julian Alaphilippe (Deceuninck-QuickStep) gastou mais três segundos.

Na geral, Schachmann, segundo classificado da Volta ao Algarve de 2020, tem dois segundos de avanço sobre Teuns, quatro sobre Bennot e sete sobre Alaphilippe.

Na segunda-feira corre-se a segunda etapa, num percurso praticamente plano de 166,5 quilómetros, entre Chevreuse e Chalette-sur-Loing.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.